abr
03

2017

Mobilidade elétrica vai ser tema de audiência na Aneel



O anúncio foi feito pelo diretor Tiago Barros, que participou do evento Agenda Setorial 2017, no Rio de Janeiro (RJ). Durante o evento, a judicialização do setor foi alvo de queixas dos participantes. Muitos temas têm transcendido o aspecto regulatório e acabam sendo debatidos na justiça. O diretor lamentou que o poder judiciário não esteja tão especializado em energia quanto a agência é, já que isso poderia dar mais celeridade aos processos judiciais que vem assolando o setor elétrico. “Há um custo de aprendizagem enorme e o processo judicial acaba ficando mais lento”, avisa. Segundo ele, na Europa, foram criados fóruns especializados para disputas judiciais envolvendo regulação.

 

Fonte: Canal Energia