Falta clareza na ‘fila’ dos projetos de saneamento básico do Novo PAC

243

O pacote de investimentos do Novo PAC é de quase R$ 1,7 trilhão, dos quais cerca de 20% com recursos do Orçamento da União. Nos sistemas de água e esgoto, serão em média R$ 8,5 bilhões por ano no período de 2023 a 2026 (total de R$ 34 bilhões, sendo R$ 10 bilhões para água e R$ 24 bilhões para esgoto) a serem realizados pelos estados, municípios e setor privado. Para colocar em perspectiva, esse valor corresponde a quase 20% do investimento anual estimado pelo Instituto Trata Brasil para atingir a meta de universalização até 2033 e cerca de duas vezes e meia o investimento feito pela Sabesp em 2022. São 347 obras (112 de água e 235 de esgoto) que, segundo o anúncio oficial, foram escolhidas priorizando a conclusão dos empreendimentos já iniciados.

Folha de S.Paulo