Petrobras: sonda é retirada da região da foz do Amazonas e levada para o Rio de Janeiro

326

A Petrobras iniciou, nesta segunda-feira, 5, a navegação do navio sonda NS 42, que estava na bacia Foz do Amazonas, na Margem Equatorial brasileira, a cerca de 175 km da costa do Amapá, segundo a estatal. Em relação à foz do rio Amazonas, o equipamento estava a 500 quilômetros de distância, ressaltou a companhia. A Petrobras teve o licenciamento para exploração no local negado pelo Ibama em meados de maio. Segundo a estatal, a embarcação foi desmobilizada em função do indeferimento do processo de licenciamento ambiental do bloco, e será destinada a atividades da companhia na bacia de Campos, na Região Sudeste, como já havia antecipado ao Estadão/Broadcast o presidente da Petrobras, Jean Paul Prates. A sonda deve chegar à bacia de Campos até o final deste mês.

O Estado de S.Paulo