Megaleilão de energia vira tábua de salvação para Odebrecht

329

A Novonor (ex-Odebrecht) pode ter uma segunda chance com o governo do PT caso o Ministério de Minas e Energia leve adiante o megaleilão para construir linhas de transmissão neste ano. Nos bastidores, a empreiteira é apontada pelo governo como a única com balanço e experiência suficientes para conduzir a obra de engenharia, que consumirá investimentos privados da ordem de R$ 40 bilhões. Avalia-se, inclusive, a possibilidade de que a companhia possa ter acesso a financiamentos do BNDES.

Folha de S.Paulo