Artigo:Estudo alerta para risco de ‘tensões contínuas’ entre estatais e investidor

326

Um novo estudo alerta para a possibilidade de “tensões contínuas” entre o acionista controlador das empresas estatais brasileiras – no caso o governo petista – e os investidores. Temas como a sucessão do comando das gigantes públicas e a política de remuneração da diretoria dessas companhias podem ser alvo de questionamentos e preocupação, segundo o relatório “Tendências Globais em Governança Corporativa 2023″, da consultoria internacional Russell Reynolds.

(Altamiro Silva Junior)

O Estado de S.Paulo