Principais sindicatos de telecomunicações italianos pedem maior presença estatal na Telecom Itália

214

Os principais sindicatos de telecomunicações da Itália pediram nesta quarta-feira (24) uma maior presença estatal na Telecom Italia e que o governo italiano reconsidere um plano que visa a criação de uma única rede de banda larga ultrarrápida no país. O ex-monopólio italiano da telefonia, carregado de dívidas, recebeu uma proposta de compra de 10,8 bilhões de euros (R$ 68,6 bi) do fundo norte-americano KKR, que tem como objetivo tornar privado o maior grupo telefônico da Itália.

Folha de S.Paulo