Retomada de Angra 3

118

O consórcio formado por Ferreira Guedes, Matricial e ADtranz venceu a licitação para retomada das obras de Angra 3, informou a Eletrobras na sexta-feira. A obra inclui a finalização da superestrutura de concreto do edifício do reator e montagem eletromecânica da estrutura, com fechamento da esfera de aço da contenção e instalação de piscina de combustíveis usados. O lance vencedor foi de R$ 292 milhões, deságio de aproximadamente 16% ante o valor de referência estabelecido pela controlada Eletronuclear. A sessão de abertura de propostas, realizada em 29 de junho, contou com cinco consórcios e duas companhias. 

Valor Econômico