‘Nova Oi’ dependerá de êxito no plano de expansão da fibra

171

A Oi planeja triplicar a receita com serviços de fibra óptica até a casa do cliente (FTTH, na sigla em inglês) até 2024, segundo informou a operadora ontem, na divulgação de seu plano estratégico para o triênio 2022-2024. A expectativa da companhia é de que o número de domicílios e pequenos negócios conectados à rede de fibra da Oi salte dos 3,5 milhões projetados para o fim deste ano para 8,1 milhões em 2024. Se o aumento no número de conexões de fibra crescer na proporção estimada pela Oi, a receita com serviços de FTTH alcançará R$ 9,3 bilhões em 2024, ante uma projeção de R$ 3 bilhões para este ano. A julgar pelo desempenho das ações da Oi no pregão de ontem da B3, o plano não empolgou investidores. 

Valor Econômico