Críticas de Bolsonaro à China afetam negócios com maior parceiro comercial?

172

Nas câmaras de comércio, que são muitas vezes a porta de entrada no Brasil de empresários chineses interessados em negócios no mercado brasileiro, há relatos de reuniões canceladas ou adiadas depois que Bolsonaro acusou os chineses de terem aproveitado a pandemia para superar outras economias.

Por que Brasil precisa exportar mais? Se exporta mais produtos, o Brasil recebe mais dólares. E os exportadores brasileiros que vendem para a China, por exemplo, podem aumentar a produção e, dessa forma, também contratar mais trabalhadores, gerando mais empregos.

“A China é um parceiro comercial importante da indústria brasileira. A participação deles na infraestrutura é absolutamente estratégica, em grandes projetos mais estruturantes, como transportes e energia, por exemplo. E não há dúvidas de que declarações que foram de fato muito hostis contra um parceiro comercial do tamanho da China não ajudam em nada. Tanto é que o governo está mudando a postura com o novo chanceler (ministro de Relações Exteriores)”, aponta Venilton Tadini, presidente da Abdib – Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base.

 

Lei matéria completa no UOL.