Cúpula de Biden levará ao centro do debate adoção de energias limpas pelos países ricos

44

A Cúpula de Líderes sobre o Clima convocada pelo presidente americano, Joe Biden, abre amanhã um ano marcado por discussões sobre as mudanças climáticas que culminará em novembro com a COP-26, a Conferência do Clima da ONU em Glasgow, na Escócia. O debate é permeado por um ultimato: não basta reduzir as emissões de gases de efeito estufa, é preciso mudar os modos de produção. A lista dos maiores poluidores é liderada pela China, seguida dos países desenvolvidos, que há dois séculos atingiram essa posição explorando combustíveis fósseis. Agora, a expectativa é que troquem carvão e petróleo por energia renovável, como a eólica e a solar.

O Globo