Aneel analisa corrida por incentivo à renovável

107

O fim dos incentivos a fontes renováveis provocou uma corrida para conseguir outorgas de novas usinas junto à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). A maioria está relacionada à geração fotovoltaica (solar) e eólica. A pressa é explicada pela janela de 12 meses que garante o acesso ao desconto de 50% na chamada “tarifa-fio”, pelo uso das redes de transmissão e distribuição. A contagem do prazo foi iniciada em setembro do ano passado. Quando chegar ao fim, apenas os projetos existentes permanecerão com o benefício.

Valor Econômico