Gasmig congela tarifa

49

A Gasmig vai manter congelado o preço do gás residencial até fevereiro de 2022, mesmo após a Petrobras ter anunciado, na segunda-feira, aumento de 39% no preço do gás natural, a partir de 11° de maio. A companhia mineira também pretende manter congelados os preços do gás veicular e avalia como fará o reajuste do produto voltado para indústrias e comércio, disse o presidente da companhia, Pedro Magalhães. “Estamos com uma política para aumentar a adesão do gás residencial e, para não assustar os clientes novos, a gente congelou até fevereiro de 2022 os preços.” 

Valor Econômico