CTG investe em pesquisa de segurança do mercado

55

A segurança do mercado livre de energia, que desponta na lista de pautas prioritárias para o setor elétrico em 2021, entrou na agenda de trabalho da CTG Brasil, segunda maior geradora privada do país. A subsidiária da gigante chinesa acaba de iniciar um projeto de pesquisa e desenvolvimento (P&D) junto com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) para desenvolver uma ferramenta de medição de risco de crédito e risco de contraparte dos participantes do mercado livre, incluindo comercializadoras, geradoras e consumidores.

Valor Econômico