Estudo da Empresa de Planejamento e Logística (EPL) aponta para redução de frete agrícola em território nacional

432

O tema foi abordado pelo Ministério da Infraestrutura durante o balanço anual da pasta que, em 2020, entregou 1.259 quilômetros de estradas, resultando em uma redução média de 11% no valor do frete agrícola, divulgado com base nos estudos da EPL. O ano de 2020 contabilizará, ao seu final, 86 obras e a concessão de 12 ativos de infraestrutura, entre nove leilões e três inéditas renovações antecipadas. “Nosso foco é o investimento privado”, disse o ministro Tarcísio ao destacar os arrendamentos dos terminais portuários STS14 e STS14a, em Santos (SP) e a renovação antecipada dos contratos das ferrovias Malha Paulista, Vitória-Minas e Carajás. Estão também previstos, ainda para 2020, os leilões de arrendamento dos terminais portuários PAR12 (Paraná), ATU12, ATU18 (Bahia) e MAC10 (Alagoas) – o que deve ocorrer nesta sexta-feira (18). A expectativa do governo é de que esses empreendimentos resultem em cerca de R$ 31 bilhões em investimentos feitos pelo setor privado. Para 2021, o Ministério da Infraestrutura planeja conceder 52 ativos à iniciativa privada. A expectativa é de que, por meio de concessões, privatizações e renovações, R$ 137,5 bilhões sejam investidos em infraestrutura no país; e que quase R$ 3 bilhões sejam obtidos por meio de outorgas.