Copel Telecom I

10857

Depois de garantir o lance mais alto no leilão da Copel Telecom, na segunda-feira, o fundo Bordeaux se prepara para usar capital nas disputas de leilão 5G. O fundo reúne investidores liderados pelo empresário Nelson Tanure e tem fôlego financeiro para novos negócios, na ambição de criar um polo tecnológico no Paraná, especialmente voltado ao agronegócio. Em outubro, o Bordeaux comprou a Sercomtel, de Londrina – aquisição que só faria sentido prático se o fundo conseguisse levar também a controlada Copel, disse ao Valor o consultor do fundo, Hélio Costa, ex-ministro das Comunicações. “O fundo entendeu que a boa aquisição seria das duas companhias e conseguiu viabilizar esse planejamento”, disse ele.

Valor Econômico