Ecorodovias analisa participação em quatro leilões de rodovias

711

A informação foi dada pela diretora de relações com investidores da companhia, Andrea Fernandes. Segundo a diretora, três deles são federais: da BR-153, da BR-163 e da Nova Dutra, ativos que deverão ser licitados no ano que vem. Além disso, há interesse na concessão estadual do Rio Grande do Sul (RSC-287) cujo leilão está previsto para dezembro deste ano. Andrea também comentou sobre o estoque de passivos acumulados, afirmando que as negociações com o Governo do Estado de São Paulo em relação aos desequilíbrios contratuais, bem como a inclusão de novos investimentos nos contratos, segue em curso. A empresa também trabalha para sanar os desequilíbrios provocados pela atual pandemia, bem como na retomada dos investimentos previstos: “houve uma impossibilidade de continuar obras por restrições de mobilização das pessoas, mas as obras estão voltando ao normal. Esperamos que em 2021 o Capex seja o contratual” afirmou Marcelo Guidotti, diretor financeiro do grupo.