Alcolumbre diz que pode derrubar veto de Bolsonaro ao marco regulatório do saneamento

63

A decisão do presidente Jair Bolsonaro de impedir que os contratos com empresas públicas de saneamento sejam prorrogados por mais 30 anos surpreendeu parlamentares e foi interpretada como uma quebra de acordo. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), afirmou ontem que “compromissos são feitos para serem cumpridos” e indicou que pode apoiar a derrubada de um dos 11 vetos ao novo marco regulatório do saneamento.

O Globo