Artigo: A privatização da água e o papel do Estado

40

O Senado Federal acaba de aprovar o chamado Novo Marco Legal do Saneamento. Agora temos mais uma que se junta a dezenas de outras leis estabelecidas nas últimas décadas com o propósito de resolver a nossa maior vergonha social: condenar a maioria da população brasileira a conviver com um sistema de saneamento medieval. Alguns oponentes à nova lei, afirmam que ela privatiza a água. Ledo engano. A água já está privatizada no Brasil há muito tempo. Não no sentido literal de “colocar sob o controle de empresa particular a gestão de um bem público”, como nos ensina Houaiss, mas pelo fato concreto e inquestionável de que atualmente só quem pode pagar tem acesso pleno e regular a esse recurso vital. (Por João Capobianco e Guilherme Checco)

Valor Econômico