Como está o investimento do Brasil em infraestrutura comparado a outros países

459

O Brasil investiu anualmente em infraestrutura 2,3% do Produto Interno Bruto (PIB), na média de 2010 a 2015, segundo o site Statista.

Como isso se compara a outros países?

Neste período, o investimento foi equivalente ao dos Estados Unidos e da Itália, que também destinaram o equivalente a 2,3% do PIB ao setor.

A China lidera a lista, com 8,3%, seguida da Índia, com 5,6%.

A África do Sul investiu 4,7%, a Rússia 4% e o México 2,5%.

O Brasil ficou à frente de países desenvolvidos como França (2,2%), Reino Unido (2,1%) e Alemanha (2,1%), mas atrás do Canadá (3,4%) e do Japão (3,2%) no período analisado.

Por terem investido mais em transportes, energia, telecomunicações e saneamento básico ao longo dos

últimos anos, países desenvolvidos contam com estoque de infraestrutura maior do que o Brasil.

Por causa disso, a infraestrutura desses países tende a estar em situação melhor do que a brasileira. Mas, mesmo assim, há demandas internas para expandir investimentos no setor, já que infraestrutura de ponta é fator para a competitividade das empresas e bem-estar das pessoas.

Em 2019, o investimento brasileiro no setor ficou em R$ 131,7 bilhões (1,9% do PIB).

Anualmente, o país precisa destinar à infraestrutura o equivalente a 4,3% do PIB, durante dez anos, para reduzir gargalos à competitividade e aumentar a produtividade.

Para saber mais, leia o artigo “As particularidades do investimento em infraestrutura”, escrito por Venilton Tadini e Igor Rocha, da Abdib.