Setor aéreo tem novo tombo na B3, corta oferta e espera pacote de ajuda

538

Num dia de aprofundamento da crise provocada pela pandemia de coronavírus, as companhias aéreas tiveram novas perdas expressivas na bolsa. Azul e Gol registraram desvalorização de mais de 30% – juntas perderam cerca de R$ 5 bilhões em valor de mercado na B3. As companhias estão revendo a oferta de voos, numa resposta às restrições às viagens, impostas por autoridades governamentais ou decididas por empresas e passageiros, diante do avanço da covid-19. O setor aguarda agora um pacote de ajuda do governo para mitigar parte dos prejuízos.

Valor Econômico