BNDES garante R$ 2 bilhões para térmica da Marlim

113

A Marlim Azul Energia – joint venture formada pelo grupo Pátria, Shell e Mitsubishi – deu um passo importante na estruturação financeira da termelétrica a gás natural de 565,5 megawatts que será construída pela empresa em Macaé, no Norte Fluminense. A companhia fechou um contrato de financiamento junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e garantiu R$ 2,06 bilhões para iniciar as obras a partir de 2020.

Valor Econômico