BNDES volta-separa concessões e PPP

125

A atuação do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), principal financiador de empresas privadas no Brasil, adquiriu novos contornos. Os desembolsos de R$ 38 bilhões até setembro caíram 13% em relação aos nove governos para estruturar concessões e parcerias público-privada (PPP), no setor de infraestrutura econômica e social. A chamada ‘fábrica de projetos’ fez essa carteira saltar de R$ 80 bilhões em investimentos estimados em julho passado para R$ 200 bilhões atualmente.

Valor Econômico