Transição energética é processo de longa duração e levará décadas, avalia diretor da EPE

206

Apesar do surgimento cada vez mais acelerado de novas tecnologias de produção e consumo de energia, o processo de transição energética é de longa duração e irá além da simples substituição de fontes de geração. A avaliação foi feita pelo diretor de Estudos Econômico-Energéticos e Ambientais da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Giovani Machado, durante palestra na 3ª edição do “Ciclo de Debates sobre Transição Energética”, promovida nesta quinta-feira (19) pela estatal e pelo Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP), no Rio.

Canal Energia