Empresa quer resgate de debênture incentivada

469

A queda nas taxas de captação via títulos de dívida criou uma nova demanda para as companhias com projetos de infraestrutura, emissoras das chamadas “debêntures incentivadas”, que possuem isenção fiscal para o investidor pessoa física e prazos que superam os dez anos. Empresas que lançaram esses papéis nos últimos anos veem hoje uma oportunidade de fazer novas emissões pagando menos aos investidores. Assim como as companhias que possuem as debêntures sem incentivo estão fazendo, elas gostariam de trocar os papéis mais caros que estão no mercado por novos, a custos menores.

Valor Econômico