Doria avalia refazer obras abandonadas do Rodoanel por segurança

208

O governo João Doria (PSDB) vai contratar o IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) para fazer um pente-fino nas já atrasadas obras do trecho norte do Rodoanel, que teve canteiros abandonados ainda na gestão Geraldo Alckmin (PSDB) e parte dos contratos rescindidos no governo Márcio França (PSB). A obra é o maior projeto de infraestrutura no estado e a última parte do anel viário do entorno da Grande São Paulo. Como o contrato de inspeção tem duração de seis meses, esse deve ser também o período em que as obras continuarão paradas.

Folha de S. Paulo