A pedido do TCU, Petrobras muda regras para desinvestimentos

970

Seguindo recomendação do TCU, que autorizou em março a retomada do plano, a estatal tenta dar mais transparência e abrir a competição ao permitir que um número maior de empresas participem das negociações. Manteve, porém, uma regra de conversas diretas com companhias escolhidas para parcerias estratégicas.

 

Fonte: Folha de S. Paulo