Planejamento define retomada de 436 obras federais de pequeno porte

1067

O ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo de Oliveira, anunciou ontem a retomada de 436 obras federais de pequeno porte, com orçamento entre R$ 500 mil e R$ 10 milhões. A medida prevê a retomada do fluxo de pagamento para projetos orçados em R$ 847 milhões. A decisão envolve obras públicas em áreas de educação, segurança, saúde, esporte, saneamento, entre outras. Até meados do ano passado, o país contava com 1,6 mil obras paralisadas, que exigiam investimento de R$ 2,073 bilhões para que fossem concluídas.

 

Fonte: Valor Econômico