Estudo aponta necessidade de leilões em 2017 para contratar energia de reserva

406

A aparente sobra estrutural de energia no sistema e o baixo risco de racionamento para os próximos anos não contemplam a queda de produtividade de grandes hidrelétricas ­ provocada por efeitos climáticos, como escassez de chuvas ­ e o acionamento de termelétricas para suportar o atendimento à rede. O problema foi diagnosticado em estudo que será apresentado hoje à Empresa de Pesquisa Energética (EPE).

Fonte: Valor Econômico