Omega avalia aquisições enquanto aguarda retomada dos leilões

392

A Omega Energia, controlada pelos fundos Tarpon e Warburg Pincus, vai concluir neste semestre um investimento de R$ 1,5 bilhão no primeiro parque eólico do Maranhão. Com isso, a empresa alcançará aproximadamente 500 megawatts (MW) de potência instalada. Os planos são de ir além disso, mas dependem da disposição do governo de voltar a promover leilões de geração, depois do cancelamento do leilão de energia de reserva (LER) às pressas em dezembro, disse Antonio Bastos, presidente da empresa.

 

Fonte: Valor Econômico