Ações da Renova disparam com expectativa de venda de parque eólico

447

Para reforçar o caixa, empresa de energia busca se desfazer de ativo na Bahia avaliado em R$ 700 milhões. Entre os interessados no negócio estariam a americana AES, que administra a Eletropaulo, além de fundos de investimento e grupos chineses.

 

Fonte: O Estado de S. Paulo