Substitutivo para securitização é rejeitado no Senado

858

A rejeição ao substitutivo, amplamente negociado pelo relator Paulo Bauer (PSDB-SC) com o Ministério da Fazenda, é um revés para governadores e prefeitos, que ansiavam pela aprovação e a possibilidade de reforçar seus debilitados caixas com a venda de dívidas. Com isso, a proposta voltará a tramitar em 2017 nos termos do projeto original, apresentado pelo senador José Serra (PSDB-SP), hoje ministro de Relações Exteriores.

 

Fonte: Valor Econômico