Cedae não será vendida

979

O modelo de parceria público-privada em estudo para o setor de saneamento no Rio prevê que a Cedae continue com a produção, o tratamento e a distribuição de água no Estado do Rio até as adutoras. O projeto elaborado pelo BNDES divide o estado em quatro áreas geográficas de concessão em distribuição de água, coleta e tratamento de esgoto. A partir da adutora até o consumidor, a concessionária assumiria a distribuição, além das operações de coleta e tratamento de esgoto.

 

Fonte: O Globo