Voos para Congonhas terão tolerância maior para atrasos

945

A Anac mudou as regras para distribuir autorizações de pousos e decolagens no aeroporto. Agora, o percentual de cancelamentos aceitável sobe de 10% para 20%, e o de atrasos, de 20% para 25%. O governo acabou também com a proibição para empresas operarem em Congonhas com aviões com menos de 90 assentos. 

 

Fonte: O Globo