Governo teme atraso em duplicação de rodovias concedidas

915

Dois anos após o início da operação de novas concessões de rodovias, o governo avalia que o prazo de cinco anos para as obras de duplicação das estradas corre o risco de não ser cumprido. Seis trechos rodoviários concedidos entre 2012 e 2013 deveriam responder por cerca de 3 mil km duplicados em cinco anos, sendo que 10% antes do início da cobrança de pedágio. Essa etapa inicial já foi concluída.

 

Fonte: Folha de S. Paulo