Cantareira sai do volume morto, mas risco continua

893

Após chuvas acima da média nos últimos meses, racionamento e redução do consumo, o Sistema Cantareira voltou ontem a operar no azul, um ano e meio depois de ter entrado no volume morto. Os reservatórios que compõem o manancial atingiram 29,3% da capacidade, o suficiente para deixar de captar água da reserva profunda, segundo relatório da Sabesp.

 

Fonte: O Estado de S. Paulo